Notícias

Beber leite contribui com a qualidade de sono

Consumo pode induzir a um repouso mais qualificado, além de colaborar com o desenvolvimento das crianças

Uma boa noite de sono é fundamental para o desempenho das funções durante o dia a dia. Para as crianças, esse repouso possui ainda mais importância, já que afeta diretamente no desenvolvimento e saúde física dos mais novos. Alguns cuidados são necessários na condução do sono dos filhos, e alguns alimentos podem ajudar na promoção de um adormecimento de melhor qualidade – caso do leite.


Segundo estudos da instituição norte americana National Sleep Foundation, o ato de dormir tem a mesma importância da alimentação e higiene para os pequenos. Os efeitos positivos são reforçados pela Academia Americana de Medicina do Sono, que divulgou em 2016 uma pesquisa que apontava as boas noites de sono como fator determinante ao desenvolvimento da atenção, memória e aprendizagem das crianças. 

Além da vitamina B12 e nucleosídeos presentes no leite e que participam ativamente desse processo, o aminoácido triptofano desempenha uma função essencial para favorecer o adormecimento. Após o consumo de leite, esse componente simula a produção de serotonina, neurotransmissor responsável pela sensação de bem-estar e satisfação. Como resultado, o corpo relaxa, favorecendo gradualmente a indução ao sono. 

Para evitar desconforto, recomenda-se que a quantidade de leite consumida pelos pequenos antes de dormir não extrapole o volume ao qual estão acostumados. Na quantidade certa e com os devidos cuidados, o leite pode se tornar um dos principais aliados para uma agradável noite de sono.

A Lacticínios Tirol está sempre atenta às necessidades nutricionais dos consumidores. Por isso, oferece no mercado uma linha completa de leite e derivados, além de produtos desenvolvidos especialmente para pessoas que precisam de um tipo apropriado de lácteos, como os intolerantes à lactose. São mais de 200 itens, entre as linhas de leites, leites em pó, iogurtes, bebidas lácteas, achocolatados, leites fermentados, manteigas, natas, requeijões, doces de leite, cremes de leite, leites condensados e queijos.  

Compartilhe essa notícia: